Point and Click, uma Interação Singular
0
Advertisement
Point and Click, uma Interação Singular

Olá Nerds…

Com o grande desenvolvimento de games desde a década de 80, os produtores mais “ligados” ao mercado, ao invés de buscar simplesmente fazer algo melhor baseado no último jogo de sucesso,  buscavam um novo estilo de jogo que pudesse chamar ainda mais a atenção do público alvo, e isso não foi diferente com o gênero Point and Click.

PlayStation 3, Um marco nas Gerações

Advertisement

Do que se Trata?

Point-et-ClickerPoint and Click ou simplesmente Apontar e Clicar é o ato na  informática que descreve a ação de deslocar o cursor do mouse para o colocar sobre um objeto com a intenção de efetuar uma seleção, esta seleção é então efetuada com um clique e a ação pré programada ocorre, e esse método também é aplicado em jogos, foi no inicio e é ainda hoje. Em suma, as ações e decisões tomadas no jogo são feitas por conta do clique do mouse ou de alguma ação do botão do controle caso esteja jogando o estilo em um console.

Este estilo está presente nos consoles e nos dispositivos móveis, porém é nos PCs que este gênero conquistou seu espaço, graças aos jogos de navegador em sites de jogos.

Mais que um Clássico

Se você é um Retrô Gamer, estou certo que o título Monkey Island  fez parte do seu passado.

A série Monkey Island é formada por 5 jogos e é conhecida por seu humor, piadas, sarcasmo e situações hilárias.

The Secret of Monkey Island


Um jovem obstinado chamado Guybrush Threepwood vai à Ilha do Vale-Tudo  com a intenção de se tornar, nas palavras dele próprio, um poderoso pirata.

Mas logo ele descobre que não seria tão fácil e, encontrando os três piratas-chefes, fica sabendo que teria que passar por três provas de proficiência para que só então pudesse ser um pirata. Guybrush parte para sua aventura, onde terá que demonstrar ser mestre nas artes de caça a tesouros, luta de espadas e pilhagem. Enquanto está em uma destas provas, Guybrush conhece o amor de sua vida, a governadora Elaine Marley.

Recentemente a LucasArts lançou um remake do jogo (muito bem feito, por sinal), utilizando, claro, novos gráficos e incluindo vozes nos personagens.

Monkey Island 2: LeChuck’s Revenge


O segundo jogo da série segue os padrões do anterior, porém com mais ilhas, personagens, gráficos melhorados (para a época) e um vilão ainda mais perigoso e vingativo. Monkey Island 2: LeChuck’s Revenge (A Vingança de LeChuck) foi lançado em 1991, e saiu para DOS, Mac OS, Amiga, FM Towns e mais uma vez utilizou a engine SCUMM, além de ter sido o primeiro jogo da LucasArts a utilizar a engine para som iMUSE (Interactive MUsic Streaming Engine), que foi integrada à SCUMM.

 

The Curse of Monkey Island


O terceiro jogo da série é caracterizado pela inovação nos gráficos, que apesar de serem 2D são todos desenhados, o que dá um ar de gibi animado no qual você é o mocinho.

Após conseguir sair do feitiço que o transformou em criança, Guybrush Threepwood escapou do parque dos malditos. Após ficar perdido no mar por dias, chegou à porta da Ilha Plunder, onde avistou uma batalha entre LeChuck e Elaine. Após ser capturado, Guybrush reencontra Wally que o ajuda destruir LeChuck, que explode junto com sua bala de canhão Vodoo. Quando o navio afunda, Guybrush encontra um lindo anel no tesouro de LeChuck.

Escape from Monkey Island


Escape from Monkey Island é a quarta aventura do herói Guybrush Threepwood, o primeiro jogo da série em 3D.

Nesta aventura Guybrush está recém-casado com sua amada Elaine Marley, agora Elaine Marley Threepwood, e no regresso da lua de mel, descobrem que alguém os declarou como mortos.

A partir deste ponto Guybrush, a pedido de Elaine, parte para a ilha do Lucro, onde deverá falar com os advogados da família para impedir a destruição da Mansão de Elaine. Chegando lá, Guybrush fala com os advogados e vai retirar do banco os pertences e presentes de H. T. Marley para levá-los a Elaine. Porém, o pirata Pegnose Pete rouba os pertences de H. T. e o banco. Todos acusam Guybrush deste feito. Depois de provar a sua inocência e recuperar os tesouros da família, nosso herói descobre que Pegnose Pete trabalha para Ozzy Mandrill, comerciante australiano que deseja comprar todo o Caribe.

Tales of Monkey Island


Em um capítulo paralelo da série, Guybrush acaba ficando com sua mão amaldiçoada pela Cursed Cutlass of Kaflu. LeChuck volta a ser um ser vivo quando atacado por essa mesma maldição, e sua essência “maldosa”, chamada de Pox de LeChuck, acaba atacando a mão de Guybrush que tem vontade própria. Depois, Guybrush acaba caindo na ilha Flotsam, onde os ventos o prendem, impedindo-o de sair. Agora Guybrush precisa sair dessa ilha para salvar Elaine que está com LeChuck

Tales of Monkey Island | WiiWare | Jogos | Nintendo

Destaques

Gabriel Knight


Gabriel Knight, um autor de Nova Orleans e dono de livraria, descobre que seu destino é se tornar um Shadow Hunter. Com uma mistura equilibrada de fatos históricos e elementos ficcticios, bem como o foco no desenvolvimento do personagem, os jogos de Gabriel Knight foram elogiados na época por sua bela história. A música da série, composta por Robert Holmes, contribuiu significativamente para a atmosfera e sucesso do jogo.

Our verdict on the Gabriel Knight remake

The Dig


Este game ganhou fama com o famoso diretor Steven Spielberg e notório por sua produção prolongada. Os gráficos contavam com desenhos feitos à mão e pouco animados, misturados com imagens 3D pré-renderizadas. Considerado o jogo mais sério da LucasArts, elee não contava com as características e palhaçadas de outros títulos, mas sim com um humor muito sútil, e era também o único título que se encaixava perfeitamente no gênero de ficção científica.

Guilherme Briggs on Twitter: "Games de PC clássicos que eu joguei (já adiantando que eu amo os da Lucasarts): The Dig (esse é uma obra prima e deveria virar um filme ou

Leisure Suit Larry


Nos dias de hoje, esse jogo seria visto com olhares duvidosos, mas quando foi lançado, as regras para games não eram bem específicas. O jogador se via correndo atrás de belas garotas, fazendo o possível e o impossível para levá-las para cama, e isso era, deveras, estranho e pervertido, mas pelo seu conteúdo diferente dos demais, o título acabou fazendo sucesso e atraindo fãs, e por conta dos fãs, muitas continuações foram lançadas até a 7ª Geração de Consoles.

Advertisement

Leisure Suit Larry: Wet Dreams Don't Dry estará disponível em versão física neste verão

Ponto Final

Point and Click é um gênero antiquíssimo que muitos desenvolvedores Indies tem usado para  gerar ótimos títulos, podemos citar a série The Walking Dead da desenvolvedora Telltale Games, e The game of Thrones da mesma produtora. Com este texto, recomendo muito que você, amado leitor, permita-se, e tenha uma nova experiencia com algo muito antigo no universo dos games.

 

Advertisement



Ixi! E agora, qual sua reação?

Gostei Gostei
0
Gostei
Uau Uau
0
Uau
Nãaoo Nãaoo
0
Nãaoo
Confuso Confuso
0
Confuso
Choose A Format
Poll
Voting to make decisions or determine opinions
Convencional
Formatted Text with Embeds and Visuals
Ranked List
Upvote or downvote to decide the best list item
Meme
Upload your own images to make custom memes