Cavaleiro das Trevas III: A Raça Superior - Crítica
0

Cavaleiro das Trevas III

O Cavaleiro das Trevas de Frank Miller é uma das graphic novels mais importante, emblemática e amadas por todos os fãs do Morcego da historia da DC, e não é pra menos pois se trata de uma historia épica que transformou e influenciou toda a industria.

Lançada inicialmente em 1986, e tendo sua primeira continuação após 15 anos do seu lançamento, Miller tentou e não conseguiu replicar o seu sucesso em Cavaleiro das Trevas II a continuação não agradou nem um pouco os fãs, deixando apenas uma sensação de decepção nos corações de todos na época ( 2001).

Eis que em 2015 para surpresa de todos a DC anuncia que Frank Miller voltaria a trabalhar na série produzindo a terceira parte da icônica HQ – Cavaleiro das Trevas III.

Crítica: Cavaleiro das Trevas III - A Raça Superior - GeekBlast

Dessa vez o roteiro seria responsabilidade não só de Miller mas também do roteirista Brian Azzarello (100 Balas, Mulher Maravilha e Hellblazer). A arte ficaria por conta dos artistas: Frank Miller, Andy Kubert, Klaus Janson e Brad Anderson.

A historia

Na trama principal desse terceiro capitulo, seguimos o culto de Kandorianos que acaba de escapar de sua prisão ( Uma cidade Kryptoniana encolhida ) e passam a habitar o planeta terra, todos eles possuem os mesmo poderes do superman e seu líder Quar se recusar a aceitar que o planeta é dominado por uma raça que em tese seria inferior aos Kandorianos, sendo eles a tal raça superior do subtítulo, em pouco tempo eles passam a ser uma grande ameaça para toda a humanidade.

HQ do Dia | Cavaleiro das Trevas III: A Raça Superior - Livro Três

A historia tem seu foco também em duas personagem femininas: Carrie Kelley ( Ex- Robin e Atual Bat Girl) e Lara-El, filha de Superman e Mulher Maravilha. Ambas precisam lidar com seus poderes, responsabilidades e legados deixados por seus mentores e tentar impedir o completo domínio do planeta pelos Kandorianos.

O roteiro apesar de simplista e cheio de clichês, aborda temas como: fanatismo religioso, crises politicas ( Com direito até a participação de Donald Trump! ), opressão a minoria, e o papel dos heróis no mundo.

O grande problema é que esses temas são em grande parte rasos e mal desenvolvidos. Apesar disso existe alguns diálogos interessantes e as cenas de ação são muito bem elaboradas, a arte de Andy Kubert é lindíssima e ajuda muito a aumentar o impacto das cenas de batalhas, inclusive existe alguns quadros de ação bastante inventivos e impressionantes deixando algumas cenas memoráveis.

  • Nível da Galáxia:

Veredito

Podemos concluir que apesar de alguns problemas no roteiro que não traz nada de brilhante como na versão de 1986, Miller conseguiu entregar um bom trabalho de conclusão para a serie Cavaleiro das Trevas.

 

Overall
3.5

Edição PANINI

A edição de capa dura lançada pela Panini recentemente, reúne as 9 edições mais alguns extras totalizando 392 paginas.

Cavaleiro das Trevas a Raça Superior III - Edição 6

 O que achou da nossa crítica, gostou? Deixe o seu feedback 🙂

Advertisement

Ixi! E agora, qual sua reação?

Gostei Gostei
0
Gostei
Uau Uau
0
Uau
Nãaoo Nãaoo
0
Nãaoo
Confuso Confuso
0
Confuso
Big BOSS

Aqui no Galaxia Nerd, você pode criar o seu perfil e já sair postando artigos, e ainda tem acesso a criação de Fóruns, Comunidades, Feeds de Noticias e muito mais para compartilhar com seus amigos.