Editoras, bancas e comic shops unem forças para vencer a crise, saiba mais:
2
2 points

Olá nerds, como estão hoje? 

Essa é uma matéria feita em parceria com a comunidade Universo HQB 

Advertisement

A pandemia do coronavírus acertou em cheio o mercado editorial brasileiro, bancas, lojas, gráficas, editoras… Todos foram atingidos. As grandes livrarias, que já vinham mal, agora estão ainda pior. Lojas pequenas fecharam as portas e algumas funcionam apenas on-line. Festivais e feiras estão sendo adiados, sem novas datas em vista.

As editoras de quadrinhos, que já enfrentavam uma grave crise, que incluiu falência da gigante Editora Abril, fechamentos e pedidos de recuperação judicial de livrarias e caos na distribuição, agora estão de olho na alta do dólar (contratos com empresas estrangeiras e o preço do papel nas gráficas são cotados na moeda norte-americana). É… As coisas estão indo de mal a pior.

Porém, parece que no mercado independente, a união está fazendo a diferença. 

Iniciativa #ForçaHQB viraliza nas redes sociais.

Na última sexta-feira, uma iniciativa chamou a atenção do publico, que curte HQs nacionais. A Força HQB (HQB é uma abreviação para Histórias em Quadrinhos Brasileira), foi iniciada pela editora Blue Comics e reforçada por outras editoras, selos e estúdios. (Mirage Estúdio,  Márcio Meyer Stúdio,  Estúdio Daniel Brandão e a loja Lazarus Comic shop foram as primeiras empresas a apoiarem o "movimento").

Billi Jones (Blue Comics) e Starboy (Mirage Estúdio)A iniciativa consiste em unir e divulgar bancas, lojas especializadas, editoras e artistas independentes. Além disso, alguns canais, sites e jornais foram convidados a participar, Lançando matérias especiais sobre o mercado nacional. 

Nós do Galáxia Nerd, estamos nessa! 

Sites que também estão apoiando a #ForçaHQB: Recife Comics e Quadrinhos para quem gosta.

Advertisement

Ixi! E agora, qual sua reação?

Gostei Gostei
3
Gostei
Uau Uau
1
Uau
Nãaoo Nãaoo
0
Nãaoo
Confuso Confuso
1
Confuso
MJoana