Review: BPM: Bullets Per Minute
0
BPM
BPM

Olá Nerds…

Assim como BPM: Bullets Per Minute, jogos Indies tem aparecido e impressionado toda uma geração de players, dada sua impressionante qualidade e aplicações primorosas de conceitos simples.

BPM é um FPS mesclado com Roguelike, lançado em 15 de Setembro de 2020 pela Awe Interactive, para Microsoft Windows, PlayStation 4 e Xbox One; e graças a nossa parceira GOG.com, que de modo tão gentil nós cedeu a chave do game, foi possível realizarmos tal análise em um dispositivo Windows.

Advertisement

Review: BPM: Bullets Per Minute 1

Enredo

Sem um enredo fixo, estamos na pele de um “anjo caído” ou melhor dizendo, Valkyre; que deve passar por difíceis masmorras forradas de monstros, buscando aprimorar-se, pegar armas, dinheiro, chaves e abrir tesouros, bem como lutar pela liberdade neste lugar diabólico.

Jogabilidade

O gênero FPS já é muito conhecido por todos devido a seus inúmeros títulos, e BPM, segue boa parte dos padrões, porém, com algumas diferenciações mínimas que fazem toda a diferença no gameplay.

A fluidez e o dinamismo da jogabilidade são intensos, o botão de esquiva é um ótimo auxílio nas batalhas em arena contra monstros, o reload é mais interessante que o normal, onde, ao apertar uma vez, nosso personagem fica com as balas em uma mão, e ao apertar pela segunda vez, ele recarrega a arma.

BPM: BULLETS PER MINUTE on Steam

Algo muito interessante que eu demorei pra entender é que não é possível atirar como se não houvesse amanhã, ou mesmo desviar ou saltar, tudo deve ser feito em sincronia com a música de fundo do game, isso também se aplica aos inimigos, onde todos seus ataques estão alinhados com batidas da inigualável trilha sonora; algo que quando entendi, fiquei maravilhado, realmente um detalhe a ser apreciado.

Audiovisual

A paleta de cores de BPM é interessante, uma mescla de amarelo, vermelho e verde fluorescente (as principais), com um tom psicodélico intensificado, fazendo todas as dungeuns parecerem pesadelos e criando um ar medonho ao game.

BPM: BULLETS PER MINUTE on Steam

Já o áudio, sem dúvida, é o quesito mais interessante do título; para os amantes do bom e velho Rock’n Roll, a trilha sonora é toda baseada no fantástico estilo musical, quanto mais inimigos na sala, mais intensa e frenética é a música, e a cada tempo exato da batida, é possível realizar esquivas e ataques. Por conta do ótimo áudio, indico o uso de fones e som no máximo para melhor apreciar este ótimo quesito.

Ponto Final

BPM: Bullets Per Minute, surpreende, a primeira vista, o game remetia a mais um genérico de DOOM, porém, o jogo é muito original e cativante, e caso você tenha se interessado caro leitor, este (download BPM GOG.com) e muitos outros games, estão na biblioteca de jogos de nossa parceira GOG.com.

Trailer

Advertisement
Não se esqueça de se inscrever em nosso canal do YouTube e seguir o Galáxia Nerd nas redes sociais para ficar por dentro do Universo Nerd  – Facebook, TwitterInstagram.
  • Nível de Recomendação - 8.5/10
    8.5/10

Veredito

O game remete aos FPS clássicos, porém, aplica muita modernidade com sincronismo entre ação e ritmo musical, algo inesperado, porém, digno de louros graças ao capricho.

Overall
8.5/10
8.5/10
Recomendação do Usuário
0 (0 votes)

Pros

  • Jogabilidade;
  • Trilha sonora.

Cons

  • Dificuldade.

Ixi! E agora, qual sua reação?

Gostei Gostei
0
Gostei
Uau Uau
0
Uau
Nãaoo Nãaoo
0
Nãaoo
Confuso Confuso
0
Confuso
Choose A Format
Poll
Voting to make decisions or determine opinions
Convencional
Formatted Text with Embeds and Visuals
Ranked List
Upvote or downvote to decide the best list item
Meme
Upload your own images to make custom memes