0

O diretor George Miller abriu um processo contra a Warner e isso pode atrapalhar a produção das sequencias de Mad Max: Estrada da Fúria!

De acordo com o  Sydney Morning Herald o processo aconteceu porque o diretor afirma que o longa custou US$ 154,6 milhões, enquanto o estúdio diz que gastou US$ 185,1 milhões. A produtora de Miller diz que a Warner aprovou o gasto de US$ 31 milhões para refilmagens, que não seria contabilizado no valor final, já que as cenas foram necessárias por conta de intervenção do estúdio no longa, porem o estúdio diz que não não disse nada disso então não tem tem responsabilidade sobre esse valor.

Ainda de acordo com o Herald,  a Warner “destruiu” uma relação de confiança ao negar o bônus de Miller e isso torna “impossível qualquer parceria futura em novos projetos”. 

Miller disse que não sabe se as sequencias de Mad Max vão acontecer mas continua trabalhando nos roteiros dos filmes.

Como amantes do cinema, esperamos que esse impasse entre diretor e estudio se resolva logo pois um filmaço como Mad Max: Estrada da Fúria não pode ficar sem sequencia!


O que você acha sobre esse assunto?

0
Cristiano de Andrade
Colecionador de quadrinhos ( especialmente Marvel) , gamer e viciado em séries, ele não entende por que os nerds que na sua época eram tão unidos agora se dividiram em facções: é Caixista contra Sonysta, Marvete contra Decenauta e etc... Bora esquecer rivalidade e se divertir, galera!
Choose A Format
Story
Formatted Text with Embeds and Visuals